História de Canela:

As primeiras notícias de Canela datam de 1860. O comércio era de gado e de suínos, e seus derivados eram transportados para Porto Alegre e municípios vizinhos. Canela era uma floresta de pinheiros de araucária e por eles iniciou o progresso.



Grandes e numerosos madeireiros instalaram-se em Canela, em diferentes pontos territoriais, extraindo milhares de metros cúbicos de madeira por ano. O transporte inicialmente era feito por animais de tração, em 1924 foi instalado em Canela o transporte ferroviário.






Canela vinha recebendo turistas desde 1915, fluxo iniciado no Caracol com a chegada de algumas famílias aos hotéis e pensões ali existentes. Com a vinda do trem, outros tantos curiosos foram estimulados a conhecer a estação de veraneio. Naquela época, as propriedades caracterizavam-se por grandes lotes, para abrigar confortavelmente famílias renomadas do nosso estado, que lá passavam suas férias de verão.




O pequeno povoado era formado por famílias de fazendeiros, imigrantes alemães e italianos e, com o início das atividades industriais, logo, Canela passou a ser passagem obrigatória entre os campos de cima da serra e a capital do estado, com tropeiros levando seus artigos para vender na capital e a vinda de mascates de lá para venderem seus produtos nas fazendas.



Em função deste movimento e sob a influência do clima e as paisagens naturais, começou logo a exploração turística, hoje tendo na Cascata do Caracol, o segundo ponto turístico mais visitado do sul do Brasil.



O município de Canela foi emancipado pela lei estadual nº 717, de 28 de dezembro de 1944, e a instalação do município ocorreu em 1º de janeiro de 1945.
Fonte: Prefeitura Municipal de Canela.

 


Site melhor visualizado em resolução 800x600 com Internet Explorer 4.0 ou superior
Copyright © 2004 Portal Santa Maria - Todos os direitos reservados
Portal Santa Maria www.canelatur.com.br
Política de privacidade